Oferta Relâmpago
Hope Lingerie Logo
Hope Resort Logo
Bonjour Lingerie

Frete Grátis nas compras acima de R$ 249,00 | 6X sem juros*

Foliculite: entenda o que é e como você pode tratar

foliculite

Você já ouviu falar em foliculite? Ela é um problema dermatológico bastante comum, que pode aparecer em várias partes do corpo, tanto de mulheres, quanto de homens.

Foto: Curology na Unsplash/Reprodução.

São bolinhas vermelhas, de vez em quando amareladas ou brancas no meio, que às vezes parecem até mesmo com a acne. Mas, não se engane, porque apesar de serem similares na aparência, são coisas muito diferentes.

O que é a foliculite e por que ela aparece?

A foliculite é uma condição da pele em que os folículos pilosos, os pequenos “bolsões” de onde os pelos crescem, ficam inflamados, causando coceira e inchaço na região.

Isso pode acontecer por diversos motivos, como irritação causada pelo atrito de roupas apertadas, depilação inadequada, calor, suor, ou até mesmo por infecções bacterianas ou fúngicas.

Em outras palavras, ela é o resultado da dificuldade de saída do pelo ou o crescimento atrapalhado do folículo piloso. Portanto, se tiver qualquer tipo de obstrução que impeça a saída do fio, ele pode ficar retido dentro do folículo. Assim, isso pode levar à inflamação do folículo, resultando na foliculite.

Quais são os sintomas da foliculite?

Quem já foi presenteada com esse probleminha sabe como pode ser incômodo.

Afinal, a pele fica coberta por pequenas bolinhas vermelhas, muitas vezes com pus, e pode coçar bastante. Além disso, a região afetada também tende a ficar avermelhada e inflamada, o que pode causar um certo desconforto e até mesmo dor e sensação de queimaduras.

Em casos um pouco mais graves, a foliculite pode levar ainda à formação de crostas ou cicatrizes.

Como tratar e evitar a foliculite?

Apesar de ser bem chatinha, existem algumas maneiras de lidar com ela e restaurar a saúde da sua pele:

Mantenha a pele sempre limpa e hidratada

Uma boa rotina de higiene é essencial para prevenir e tratar a foliculite.

Sendo assim, o ideal é você lavar suavemente a área afetada com água morna e um sabonete neutro, evitando esfregar com força. Em seguida, aplique um hidratante leve para manter a pele macia e protegida.

Tenha cuidado com os métodos de depilação

Alguns tipos de depilação podem irritar a sua pele e aumentar o risco do problema, como o uso da lâmina, que é mais agressiva.

Além disso, cuidado com a cera quente, que também pode facilitar o surgimento de pelos encravados, e evite ao máximo o uso de pinças, que ainda costumam causar feridas.

E fica aqui a dica de ouro: uma das melhores formas de evitar pelo encravado e foliculite é investir na depilação a laser.

Use produtos específicos para a foliculite

Existem diversos produtos disponíveis no mercado formulados especialmente para o tratamento.

Dessa forma, procure por cremes ou géis que tenham ingredientes como ácido salicílico, por exemplo, que ajuda a desobstruir os poros, ou óleo de árvore do chá, que é bem conhecido pelas suas propriedades antimicrobianas.

Consulte um médico dermatologista

Se a foliculite persistir ou piorar, é importante que você busque pela orientação de um profissional.

Um dermatologista vai conseguir avaliar a sua pele e recomendar o tratamento mais adequado para o seu caso, que pode incluir medicamentos, dependendo da gravidade do problema.

Quais são as melhores dicas para lidar com a foliculite?

Para finalizar, vamos com mais 5 dicas simples e perfeitas que podem te ajudar:

  • Não use roupas apertadas e evite tecidos que retêm o suor. Prefira sempre as peças de algodão
  • Use roupas largas para dormir e, se possível, passe a noite sem calcinha, para que a pele respire melhor
  • Assim como se fala sobre espinhas, o conselho é sempre não espremer as bolinhas causadas pela foliculite. Você não vai conseguir eliminar nada, e pelo contrário: pode piorar o quadro
  • Faça esfoliação na pele sempre que possível e abuse da bucha vegetal no banho, pois ela ajuda a remover células mortas e deixa a pele mais lisinha
  • Faça compressas com algodão umedecido em água morna, que podem promover a drenagem dos folículos afetados

Agora que você já sabe tudo sobre foliculite, que tal aproveitar para descobrir como evitar a acne adulta?

Foto de Capa: Kimia Zarifi na Unsplash/Reprodução.

PRODUTOS RELACIONADOS

Gostou desse conteúdo? Leia também: